segunda-feira, 13 de outubro de 2008

PLANETÁRIO


Mais um fim-de-semana alucinante, mas desta vez cultural!

Viajar pelo espaço e pelo tempo, conseguimos aprender a olhar para o céu com os nossos próprios olhos e descobrir os vários mistérios do nosso Universo.
No escuro do Planetário vimos as estrelas, a olho nú, a lua e os planetas! – MARAVILHOSO!

Tenho a sensação que ando a fugir ao tema ao qual deu origem este blog – autismo – mas por outro lado, parece-me que é uma forma de vos mostrar que podemos fazer com eles tudo o que se fazem com as outras crianças. E eles gostam, entendem e marca-os.

Por isso vou relatando aquilo que acho que seria impensável um autista fazer ou sentir... mas aquilo que concluímos é que estão sempre a surpreender-nos e por isso temos de continuar esta luta e, não desistir e ter sempre esperança!

“Os planetários são projetores especiais que mostram um céu artificial. Essas máquinas têm a capacidade de reproduzir o céu visível em qualquer parte do globo terrestre sem qualquer tipo de poluição e iluminação.
Dispondo de sofisticados e precisos componentes ópticos, mecânicos e eletrônicos, os planetários também reproduzem os principais fenômenos celestes visíveis a olho nu (movimento diário dos astros, fases da Lua, movimentos do Sol, estrelas cadentes, movimentos dos planetas, etc).
Utilizando recursos de multimedia, os planetários mostram ainda imagens ampliadas de diversos tipos de astros (planetas, estrelas, nebulosas, galáxias, cometas, etc).”

O João adorou ver as constelações! No caso dele Peixes, no caso do irmão José Touro! Não são os signos!!?? São as constelações! É fantástico perceber que entenderam a informação que lhes foi transmitida.

O João também queria ser o Dragão!
- Mãe quero transformar-me em dragão!

E simularam uma viagem planetária! - Foi delirante!
Pergunta o José:
- Se eu me levantar eu caio? – ahahahahha... eu própria tinha essa sensação!

“Considerando-se a variedade de meios, cenas e ambientes existentes no Universo, pode-se criar inúmeras apresentações sobre variados temas (pouso na Lua ou na superfície de um planeta qualquer, viagem até as estrelas, viagem pela Galáxia, viagem para outras galáxias, etc).
Combinando imagens do espaço, efeitos visuais com luzes e cores diferentes e ainda efeitos sonoros, os planetários permitem a realização de belíssimos shows que fascinam o público visitante.
Os planetários são montados em salas especiais de projeção. Eles utilizam como tela de projeção os tectos dessas salas, que são domos ou cúpulas.”

E lá estavamos nós sentados nas poltronas, todas encostadas para trás, para esquecermos que estavamos dentro de uma sala. Essa sensação é conseguida!

Para além de saber que o Sistema Solar vai fazer parte do programa do 3º ciclo, considero que para além de ter sido divertido, foi importante para a educação e cultura deles. De uma forma moderna, dinâmica e lúdica fizemos um programa diferente...
E nos nossos centros urbanos, que quase esquecemos que existem estrelas no céu, o planetário permitiu-nos conhecer um céu estrelado!

Foi simplesmente uma experiência fascinante e inesquecível para todos!

5 comentários:

D. disse...

Olá,

Já várias vezes li, que este blogue foi iniciado com o propósito de falar sobre o autismo.

Eu gosto de acompanhar o vosso "cantinho" (como diz a mamã bauinilha e chocolate), apesar da minha situação ser bastante diferente (o meu bebé tem PC, com graves problemas motores) acaba por ser muito igual.

Uma história de luta, de superar e vencer obstáculos, de procurar a autonomia e a felicidade dos nossos filhos.

Ainda bem, que cada vez, tem mais experiências positivas para contar sobre o João.

É excelente o seu desenvolvimento e a sua evolução.

Acho óptimo que partilhe estas novidades, porque serve como apoio e incentivo para outras familias.

Beijinhos

Cristina disse...

Olá Sofia,

Este Verão também fui ao planetário com o Pedro e ele adorou. Só no final é que teve um bocadinho de medo com a simulação de uma tempestade, coitado, o ruído era de facto ensurdecedor...

Dentro em breve iremos ao pavilhão do conhecimento porque há lá (penso que já terá sido inaugurada?) uma exposição sobre o espaço. O pavilhão do conhecimento é um local de eleição do Pedro, até porque no r/c há uma área que se chama "a casa inacabada" que faz as delícias dele.
Caso o João ainda não tenha lá ido, penso que valerá a pena experimentar, pois todas as crianças que conheço com e sem nee têm adorado.

E parabéns ao rapaz pela corrida de kart! Estas crianças não deixam de nos surprender, não é mesmo?!

beijinhos

RC disse...

Olá Sofia,

sou estudante de psicologia educacional e neste 1º ano do mestrado vou ter fazer um trabalho - estudo de caso.

A criança que me "calhou" é um menino de 7 anos com autismo. O trabalho ainda agora começou e apenas sei que tem diagnosticado autismo e que está numa sala TEACCH.

Tenho pesquisado muito sobre o tema obviamente e descobri os seus blogs!! estou deliciada!!! os pecs, os jogos...tudo tudo tudo! estou com imensa vontade de comunicar tudo o que já aprendi aos pais e todo o material que recolhi do seu blog!!

Obrigada por partilhar todo este material, e toda a sua história com o João..

Muitos PARABENS por ser uma SUPER MAE e por toda a força!!!

Principezinho disse...

Mamã Sofia,
Como não é muito justo acompanhar o vosso crescimento e aproveitar sempre as brilhantes ideias que aqui publicas, deixei-te um miminho no meu blog!

Um abraço!

D. disse...

Olá,Olá

è só para dizer que tem um "miminho" no meu blogue.

Beijinhos